MSRepórter - Notícias de Campo Grande-MS
23/05/2017
04 de maio de 2016 às 13h37 | Esporte

Projeto Judô Nota Dez leva aulas gratuitas no Indubrasil

O projeto existe desde 2007, e atualmente atende cerca de 5 mil crianças e adolescentes

Por: Da Redação

O projeto Judô Nota Dez proporcionou uma reunião interativa com os familiares dos judocas no polo da Escola Estadual Prof. Ulisses Serra, no Indubrasil, nesta terça-feira (3), que teve a presença do criador do projeto e judoca faixa preta, deputado Marcio Fernandes (PMDB).

Na reunião, os familiares puderam ter dimensão de como acontece os treinos dos judocas, que inclusive relataram a melhora no comportamento em casa, como destacou a avó do Joaquim, Antônia Figueiredo. “Ele respeita mais, está até mais comprometido na escola, como ele gosta de participar das competições no judô, sabe que o comportamento conta”, explica.

Para o diretor da escola, Edivaldo Luís Camargo é notável a diferença dos alunos após as aulas de judô. “Faz 3 anos que o projeto existe nesta comunidade de forma gratuita, e a contribuição para o desenvolvimento dos alunos é perceptível, o reflexo está no processo de aprendizagem na sala de aula”, explica o diretor.

Entre os benefícios do judô estão: desenvolvimento físico, psíquico e social de forma integrada, pois desenvolve habilidades, prepara os jovens para uma convivência harmônica em seu ambiente social e estimula o interesse pela competição sadia.

O deputado lutou com alguns judocas e aproveitou para salientar os requisitos para continuar as aulas de judô, que são: notas boas, comportamento em casa, na escola e na rua. “Um bom judoca precisa saber que ele tem que ser bom tanto no tatame, quanto fora dele, essa disciplina e respeito aprendi desde meus 5 anos de idade quando conheci essa arte marcial, levo até hoje comigo e é um orgulho poder transferir esses ensinamentos para tantas crianças e adolescentes”, diz Marcio Fernandes.

Projeto Judô Nota Dez existe desde 2007, e atualmente cerca de 5 mil crianças e adolescentes são beneficiados através de aulas gratuitas de judô, sendo 27 polos na capital e outros 27 no interior do Estado, totalizando 54 polos.

 

Comente esta Noticia
Notícias Relacionadas