MSRepórter - Notícias de Campo Grande-MS
17/10/2018
24 de abril de 2018 às 14h16 | Geral

Prefeito assina ordem de serviço para acabar com congestionamento na rotatória da Coca Cola

O local terá sinalização e semaforização para pôr fim a problemas enfrentados com no trânsito

Por: PMCG
Divulgação/PMCG

Foi assinada na manhã desta terça-feira (24) a ordem de serviço dos trabalhos que serão realizados no reordenamento do trânsito da Rotatório da Coca Cola. Assim como aconteceu na rotatória da Mato Grosso com a Nelly Bacha, a rotatória da Gury Marques com a Interlagos vai passar por um processo de sinalização e semaforização para pôr fim a problemas enfrentados pela população no trânsito.

Durante a assinatura do ato, o prefeito Marquinhos Trad explicou que primeiramente será realizado um estudo técnico de viabilização, planejamento e orçamento, e somente depois será iniciada a obra.

“O dinheiro já está reservado. Após o estudo técnico, começa a obra. Hoje as equipes já estão se direcionando com drone, com tecnologia, mensurando a passagem de veículos nas quatro laterais, para saber os tipos de semáforos que serão colocados e tempo necessários para cada via, principalmente, nos horários de pico”, explicou.

O recurso é próprio é vem da própria Agência Municipal de Transporte e Trânsito – com a arrecadação do IPVA e multa – e também da fonte 1 da Prefeitura de Campo Grande.

Diretor presidente da Agetran, Janine Bruno ressaltou a importância do ato. “Esse é mais um daqueles momentos muito esperado. Vocês que acompanharam todo o processo da Mato Grosso, agora estão entrando no segundo ponto, que é a famosa rotatória da Coca Cola. Nós vamos solucionar isso através desta ordem de serviço. Todos os recursos utilizados são do Município. Nossa expectativa é concluirmos até setembro, solucionando de vez o problema daquela região”, disse.

Presidente da Câmara Municipal de Campo Grande, o vereador João Rocha afirmou que a Prefeitura avança no sentido de solucionar um problema emblemático da capital.

 “Todos nós aqui sabemos das questões ali daquela rotatória. Nesse sentido, estamos avançando todos juntos e sanando alguns problemas nevrálgicos na nossa cidade e é isso que a população espera. Estamos entregando aquilo que a população espera de seus gestores. Os recursos são poucos, a economia é grande, mas a gestão do dinheiro com eficácia e eficiência faz com que muitas coisas aconteçam. E assim tem sido feito”, frisou.

Já a vereadora Dharleng Campos agradeceu, em nome da população.

“O quanto aquela rotatória é importante pelos acessos aos vários bairros que são ligados a ela, universidades, saída e entrada da nossa cidade. O quanto que o fluxo ali é grande. Então em nome da população, eu agradeço”, declarou a vereadora Dharleng Campos.

Morador da região, o vereador Chiquinho Telles se recordou que o pedido é antigo, e somente agora está sendo atendido.

“Essa rotatória é pedido antigo, ainda quando o senhor era deputado tentamos recurso. Prometeram tudo ali, até viaduto, e agora o senhor, em um ato mais simples, vem solucionar essa questão que aflige a população há anos naquela região”, afirmou.

Para finalizar, o vereador João César Matogrosso pontuou que a medida faz parte do plano de governo de Marquinhos Trad.

“Desde o começo do mandato o senhor vem cumprindo promessa de campanha, de resolver esses gargalos, para as pessoas que muitas vezes perdem horas e horas ali no seu ir e vir. Em tempos de crise, é preciso ter responsabilidade com o dinheiro público e acima de tudo criatividade”, pontuou.

A opção de instalar rotatória, em vez de um viaduto, levou em conta, de acordo com o diretor da Agetran, o custo muito menor da intervenção (com a mesma eficácia) e a maior rapidez na implantação.

Finalizada essa obra, na sequência, haverá intervenções semelhantes nas rotatórias das avenidas Tamandaré com Euler de Azevedo; Três Barras com Marquês de Lavradio; Joaquim Murtinho com Ceará e Eduardo Elias Zahran com Joaquim Murtinho.

 

 

 

 

Comente esta Noticia
Notícias Relacionadas