MSRepórter - Notícias de Campo Grande-MS
21/11/2017
16 de julho de 2015 às 18h46 | Esporte

Comitê vai avaliar candidatura da Capital à sede de Jogos Mundiais Indígenas

A capital tem como credenciais a estrutura da cidade, onde moram cerca de 10 mil indígenas

Por: CGNotícias
CGNotícias

Ao receber nesta quinta-feira (16) homenagem da Câmara Municipal de Campo Grande, que lhe conferiu o título de Visitante Ilustre, o coordenador dos Jogos Mundiais dos Povos Indígenas, Marcos Terena, mostrou simpatia pela candidatura de Campo Grande a sediar a segunda edição do evento, ainda sem data definida.

A capital sul-mato-grossense tem como credenciais a estrutura da cidade, onde moram cerca de 10 mil habitantes indígenas, sem contar que Mato Grosso do Sul tem a segunda maior população indígena, argumentos que foram elencados na apresentação da candidatura, na semana passada, em Brasília.

Segundo Terena, durante a realização dos jogos em Palmas, entre os dia 23 e 30 de outubro próximo, será criado um comitê olímpico internacional que irá decidir o ano e onde será realizada a próxima edição.

Marcos Terena, que veio a Campo Grande especialmente receber a homenagem da Câmara, proposta pelo vereador Carlos Borges, foi recepcionado por lideranças indígenas, como a cacique da Aldeia Marçal de Souza, Enir Terena e Eva Terena, integrante do Conselho Nacional da Mulher Indígena.

“Um evento como este, os Jogos Mundiais Indígenas, vai assegurar grande visibilidade às nossas causas, especialmente a questão da demarcação da terra”, destaca a cacique Enir.

O título de Visitante Ilustre conferido a Marcos foi proposto pelo vereador Carlão, como reconhecimento pelo trabalho desenvolvido por ele em favor da causa indígena em âmbito mundial.

Eventos em agosto

A vinda de Marcos Terena, liderança dos índios nascida em Aquidauana e reconhecida mundialmente, começou a ser construída na visita que o prefeito Gilmar Olarte fez a Brasília na semana passada, quando os dois se encontraram.

A programação ocorre um mês antes de Campo Grande sediar dois eventos voltados à comunidade indígena, organizados pela Prefeitura de Campo Grande.

No dia 15 de agosto, será realizado o I Encontro de Anciãos e Lideranças Indígenas em Campo Grande, organizado pela Subcordenadoria de Assuntos Indígens, que visa promover o encontro entre gerações, como forma de transmitir valores culturais e históricos dos povos tradicionais indígenas residentes no Município.

“Com iniciativas como essa, a subcoordenadoria cumpre sua função, de atuar como ferramenta articuladora entre o Poder Público e a comunidade indígena mediando, assim, a efetivação das políticas públicas”, afirma o subcoordenador Aguinaldo Terena.

O outro evento, a 10ª edição dos Jogos Urbanos Indígenas, será realizado no dia 16 de agosto, pela subcoordenadoria e pela Fundação Municipal de Esporte (Funesp), no Parque Jacques da Luz, nas Moreninhas.

As duas iniciativas são comemoradas pelo presidente do Conselho dos Direitos e Defesa dos Povos Indígenas de Campo Grande, Sander Barbosa. “É uma valorização da população indígena, por meio da visibilidade à cultura dos nossos povos”.

Comente esta Noticia
Notícias Relacionadas